Logo da beegin
seu portal de investimentos alternativos

Preencha seus dados para acessar o conteúdo!

Enviando seus dados, você também receberá por e-mail conteúdos exclusivos em primeira mão.

Ao enviar, você estará concordando com os Termos de Uso e a Política de Privacidade da beegin.

nov 19, 2021
Indústria 4.0
Compartilhe

A transformação dos modelos de negócio está atingindo os diferentes setores da economia. Na manufatura, ela é conhecida como indústria 4.0, nome que deriva da ideia de uma Quarta Revolução Industrial. Esta tendência está dando origem a diversas startups, que se tornam oportunidades interessantes para investidores de venture capital.

O que é indústria 4.0

Indústria 4.0 é o nome que se dá aos modelos de negócio que integram tecnologias digitais ao processo de manufatura, permitindo alavancar a produtividade industrial explorando diferentes oportunidades de ganhos marginais.

O nome surgiu de uma iniciativa do governo alemão, lançada em 2012, como parte de um esforço de recuperação econômica do país após a crise do subprime de 2008. A proposta era promover o desenvolvimento tecnológico na indústria e criar estruturas de cooperação entre todos os atores da inovação na Alemanha.

No decorrer da última década, este conceito se disseminou para diversos outros países. China, Estados Unidos, Coreia e vários outros aderiram a esta tendência, desenvolvendo tecnologias e fomentando startups  com este foco.

Última semana para investir na Kuba

No Brasil, a CNI colocou a indústria 4.0 entre suas prioridades. De acordo com a entidade, o impacto da adoção de tecnologias 4.0 na manufatura brasileira pode chegar a US$230 bilhões até 2030.

Quais são as tecnologias

Entre as várias tecnologias digitais de indústria 4.0, podemos destacar:

  • Inteligência artificial: aplicação de inteligência de dados e aprendizagem de máquina para gerar insights sobre ganhos marginais de produtividade localizados;
  • Internet das coisas: monitoramento de indicadores a partir da comunicação máquina a máquina, gerando dados que possam ser processados por algoritmos;
  • Robótica avançada: robôs automatizados e  altamente sensorizados, que agem de forma parcialmente autônoma e que interagem fisicamente com pessoas em seus ambientes;
  • Simulação: aplicação de realidade virtual ou realidade aumentada para treinamento e simulação de processos industriais complexos;

Como investir em startups de indústria 4.0

De acordo com a Startup Base da ABStartups, o Brasil conta com 161 startups que oferecem soluções inovadoras para a indústria. Destas, 60 já estão em fase de tração, ou seja, já estão escalando suas operações.

Para mapear essas oportunidades, o investidor precisa acessar os ambientes nos quais são avaliadas e oferecidas startups para investimento. Alguns caminhos:

Para descobrir como analisar e investir em startups, faça os cursos de venture capital da Solum.ed.

Por Equipe beegin

A beegin é o seu portal de investimentos alternativos. Acompanhe as tendências de private equity e venture capital.

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *